Omeio ambiente esta em todas as bocas, mas sabemos o que é ?
Para muitos é a natureza intocada e virgem, para outros, as árvores e os bichinhos,... Para quase todos, é uma realidade que devemos proteger, mas longiqua, abstrata.

Na verdade, o meio ambiente é tudo, é onde vivemos. O meio ambiente do ser urbano é a cidade, o do camponese é o campo, do Tuareg o deserto, do Eskimo o gelo,...

Todos estes ambientes, apesar de variados e diferentes fazem parte de um meio ambiente planetario, cujos mecanismos e regras de funcionamento são complexos e baseados na interação entre todas as partes. Tudo que existe no planeta faz parte deste sistema : os animais, os ventos, a agua, as calotas polares, as florestas, as estações, a luz do sol, os deslizamentos de terra, o homem, suas cidades, seus carros,...

O meio ambiente é então sujeto a mudanças : o grande número de fatores aumente as possibilidades de variação.
O ser humano tem hoje um impacto como nunca nenhuma espécie já teve no planeta. A polémica sobre a veracidade deste fato é uma perda de tempo. Melhor é entender como isto é possível, e enxergar as consequências possíveis.

Se fala muito de mudanças climáticas, do aquecimento global, mas na verdade não sabemos o que isso provocará. Estudos mostraram que o degelo nos polos afeitam as correntes oceánicas, importantes reguladores térmicos do planeta. Já sabemos que a diminuição dessas correntes pode provocar periodos glacíarios nas latitudes onde temos hoje um clima temperado. O aquecimento global é uma media e não afeitará igualmente o globo tudo. Não podemos prever o resultado de interações que não entendemos.

Este meio ambiente tão comentado é antes de tudo o que nos permitiu existir. Favoral ao desenvolvimento da vida e da conciência, o meio ambiente, a Terra, é digno de respeito e consideração. Nós precisamos da Terra, ela já viveu muito tempo sem a gente e ainda tem muito para viver.

As importantes questões ambientais à serem resolvidas implicam uma relação equilibradas entre o homo sapiens e o mundo. Talvez seja uma revolução espiritual similar ao acontecido quando foi provado que o centro era o sol. Hoje sabemos que o sol não é o centro, a Via Láctea também não... Então o que somos nesta imensidão sem tempo ? A vida é um milagro, a conciência é a porta da sabedoria e aceitamos correr o risco de perder tudo por causa do materialimo excessivo de uma sociedade megalomaniáca.

Para realmente preservar o meio ambiente, devemos primeiro aceitar de não desperdiçar mais nada.
Agua, solos e ar não têm mais a capacidade de reciclar nossos dejetos.

Devemos entender que o crecimento não pode ser infinito. Nós chegamos à uma situação preocupante com algumas centenas de milhões de pessoas. Os países emergentes querem emergir juntando mais de dois bilhões de pessoas para consumir o que o planeta não pode oferecer. O maior poluidor é hoje a China com um crecimento forte e regular. O Brasil, cuja importancia ambiental é primordial para o planeta, destroe seus recursos ainda desconhecidos em nome do crecimento, do consumo. Emergir do terceiro mundo para se atolar num imenso campo de refugiados ambientais é sem dúvida a pior estrategia.






intro
quem ?
meta
leituras
contatos
O meio ambiente
Quero defender o homem como um habitante, uma parte e uma parcela da Natureza.
Henry Thoreau
partager